Aftosa: confira 6 cuidados necessários na hora de vacinar o rebanho
O ano de 2017 foi de crescimento para o setor agropecuário paraense. A Agência de Defesa Agropecuária do Pará (Adepará) garantiu, por meio de ações de defesa sanitária, importantes títulos de áreas livres tanto no campo vegetal como no animal. Esse trabalho de defesa sanitária busca oferecer aos mercados regularidade e qualidade na produção, nas áreas da agricultura e pecuária. Esses dois segmentos influenciam diretamente na balança comercial, gerando emprego e renda.Os títulos conquistados demonstram a qualidade dos produtos comercializados pelos produtores paraenses, permitindo a expansão de mercados para outros estados e países. Este ano, o Pará recebeu o reconhecimento pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), de que o estado é 100% livre da Febre Aftosa. Até então, oito municípios paraenses que possuem divisa com os estados do Amazonas e Amapá, áreas que eram considererados de risco. FOTO: ASCOM ADEPARÁ DATA: 01.01.2018 BELÉM- PARÁ

Aftosa: confira 6 cuidados necessários na hora de vacinar o rebanho

Começa nesta sexta-feira, 1º de novembro a segunda etapa da vacinação. Este ano, a vacina teve alterações na formulação, com redução na dosagem de aplicação 01 de novembro de 2019 às…

Continuar lendo
Fechar Menu