Globo Rural destaca as melhores empresas do agronegócio

As vencedoras serão conhecidas durante a cerimônia de premiação que será realizada no dia 20 de outubro
syl1508

A décima segunda edição do prêmio “Melhores do Agronegócio”, uma iniciativa da revista Globo Rural em parceria com a Serasa Experian, estará retratada no Anuário Agronegócio, que chegará as bancas no final de outubro, mostrando uma radiografia completa do desempenho financeiro das 500 maiores empresas ligadas ao setor agropecuário brasileiro.

As empresas vencedoras serão conhecidas no dia 20 de outubro próximo, durante cerimônia que será realizada em São Paulo, com a presença dos executivos e de lideranças rurais e empresariais. A seleção das empresas leva em conta os indicadores financeiros e socioambientais das empresas, levantados pela consultoria Serasa Experian.

Além de destacar as melhores empresas em vinte segmentos do agronegócio, a premiação tem outras quatro categorias especiais: companhia campeã; maior em receita; destaque em sustentabilidade; e melhor entre as pequenas e médias empresas.

A escolha das vendedoras nas categorias especiais é feita por uma comissão composta pelos organizadores do prêmio (Globo Rural e Serasa) e representantes de entidades como a Associação Brasileira do Agronegócio (Abag) e a Confederação de Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA).
grafico-melhores

s dados serão publicados na 11ª edição do Anuário do Agronegócio da Globo Rural, com uma radiografia completa do desempenho das 500 maiores empresas do agronegócio brasileiro.

Os prêmios serão concedidos às empresas que se destacaram nos setores de alimentos e bebidas; atacado e varejo; aves e suínos; bionergia; comércio exterior; defensivos agrícolas; ferramentas e implementos agrícolas; fertilizantes; frutas, flores e hortaliças; indústria do café; indústria da carne; indústria de sojas e óleos; laticínios; massas e farinhas; nutrição animal; produção agropecuária; reflorestamento, papel e celulose; saúde animal; sementes; e tratores e máquinas agrícolas.

Fonte: Globo rural

Share On Facebook
Share On Google Plus
Share On Linkedin
Contact us